27 agosto, 2007

Saramago

Me admira la capacidad de José Saramago para hacer correr ríos de tinta y zarandear un poco la materia gris del personal. Sus presagios sobre la dilución de Portugal como una autonomía junto al resto de naciones y regiones peninsulares han levantado ampollas en el país vecino y han pasado casi inadvertidos por aquí. Puestos a hacer geopolítica ficción sobre la reintegración de Portugal al redil español, deberíamos despejar algunas dudas de esta provocación veraniega. La primera es si los portugueses deberían dejar de hablar su lengua, si seríamos los españoles los que empezaríamos a aprender portugués o si se establecerían comunidades lingüísticas diferenciadas, como en Bélgica o Suiza. Los precedentes apuntan a que el castellano intentaría ser la lengua oficial en todo el territorio y se impediría que los portugueses se pasaran de la raya en el amplio sentido del término. Tal vez algunos españoles se enfadarían muchísimo cuando vieran a los políticos nacionalistas lusos expresarse en su idioma y les gritarían para que hablaran en cristiano. Imagínense las protestas de quienes viajaran a Lisboa y volvieran indignados porque los habitantes de allí se expresaban en su dialecto y no en la lengua común. Así que, querido José, aunque sólo sea como forma de proteger la maravillosa lengua en la que escribes, lo mejor será dejar las cosas como están, porque esto de la pluralidad cultural no tiene todavía muchos adeptos y sí que hay muchos que creen que su lengua, su cultura y su manera de vivir es la mejor del mundo mundial. Además, para llevarse bien con el vecino y apreciar su cultura no es necesario absorberlo.

Publicado en EL PERIÓDICO EXTREMADURA el 27 de agosto de 2007.


Foto: Luzes e sombras da restauração (Lisboa, 23 de agosto de 2007)

27 comentarios:

Anónimo dijo...

...ó javier, anda por aí um idiota chamado carlos luna de "os amigos de olivença" que quer recuperar olivença, eu tenho a solução para que portugal recupere olivença...

...é a integração de portugal no reino de espanha como mais uma autonomia em substituição dos bascos...

Anónimo dijo...

...ficaríamos todos contentes, portugueses, espanhóis e bascos...

...espanha manteria a sua posição relativa ao nível da economia mundial...

Anónimo dijo...

...seríamos mais dóceis que os ferozes catalães e não consentiriamos o uso da lingua castelhana como a fomentaríamos, se fôssemos a nova iorque não teríamos dificuldade em perceber aquela língua ininteligível que é o inglês e beber um copo com o hugo chávez na sua lingua materna...

Anónimo dijo...

...teríamos carros mais baratos, o iva a 16%, o digital+ com filmes bilingues e legendas(sub-títulos) optativos, teríamos televisão digital terrestre, teríamos internet mais rápida e barata, combústíveis mais baratos...

Anónimo dijo...

...poderíamos manter a selecção nacional de futebol à parte como é feito no reino unido e acabará por ser feito em espanha...

...deixa lá o saramago, ó javier o teu problema é que o saramago é velho e tem namorada nova...

Anónimo dijo...

...por isso ó javier não te metas no que não és chamado, nós queremos ser espanhóis para ter os serviços de espanha, saber falar falar espanhol para ir a nova iorque...

...deixa o saramago em paz, o teu problema é dor de cor corno, o saramago quer beneficiar das economias de escala de viver num grande país...

Puntos de vista y ... nada más dijo...

Obrigado, senhor anónimo, pelas opiniões. Mas este blog não é lugar para insultar. Será bem-vindo quando quiser discrepar novamente

Anónimo dijo...

Sr. Javier,
Se isso alguma vez viesse a contecer, poderia ter a certeza de que nós os verdadeiros portugueses (que tenho a certeza são mais de 99% desta população) fariamos com que a ETA fosse uma brincadeira de crianças!

Anónimo dijo...

...ó javi, inventas comentários alheios para contrariar o destino da grande espanha, a história vai-se encarregar de te julgar a ti e ao idiota do carlos luna...

Anónimo dijo...

...não lances a confusão com fantoches inexistentes os espanhóis vão receber-nos em glória, vamos expulsar os mal-cheirosos bascos da grande espanha...

...afinal ó javi quem gosta de vocês somos nós, para que é essa teimosia com os bascos?

Anónimo dijo...

...o lóbi homossexual espanhol que tão bem representas, tu ó javi que queres entregar as crianças de espanha à preversão sexual pela adopção vai recompensar-te...

Anónimo dijo...

...felizmente que hÁ e haverá valores morais na Grande Espanha ao lado de gente como tu que me coibo de classificar...

Anónimo dijo...

...tu ó javi que te permites pôr em causa os valores cristãos, pondo-te ao lado do bin laden contra a civilazação ocidental e o estado laico pluralista, tu ó muçulmano javi...

Anónimo dijo...

...tunó javi que censuras como os ayatolas do irão, quando o ocidente ousa defender-se

Anónimo dijo...

...e depois a culpa do 11M em madrid não foi dos muçulmanos que puseram a bomba, mas foi culpa do teu ex-Grande Presidente Aznar, que não soube interpretar os sentimentos do bin-laden

Anónimo dijo...

...mas este blog tem uma censura homossexual/comunista anti-portuguesa, e amanhã estas linhas de pensamento democrático já estarão apagadas...

Anónimo dijo...

...tem coragem ó javi e diz lá quais foram os meus insultos para sofrer o corte da tua homossexual/estalinista tesoura?...

Anónimo dijo...

...os cidadãos espanhóis e a história encarregar-se-ão de te desmascarar ó intelectual comunista javi...

Anónimo dijo...

...deixa o saramago em paz, não podes suportar que um ex-comunista como o saramago tenha recuperado a razão...

Anónimo dijo...

...eem espanha o saramago além de ter recuprando a razão recuperou o desempenho físico que não tinha desde os seus 23 anos...

Anónimo dijo...

..não perdes pela demora, tu e o idiota do carlos luna de estremoz dos amigos de olivença serão julgados pela história...

Anónimo dijo...

...felizmente que vives em democracia ó javi, no islâmico irão ou na estalinista coreia do norte pagarias por querer entregar crianças em adopção a homossexuais...

Anónimo dijo...

...demonstra que é homem e não apagues os meus comentários, a espanha moderna e democrática com altos valores morais vai prevalecer...

Anónimo dijo...

...os "pontos de vista" do teu blog têm que coincidir com os teus, ou então funciona a tesoura censuradora estalinista...

Anónimo dijo...

...pontos de vista sim, mas não demasiado dissonantes do proprietário do blog...

Puntos de vista y ... nada más dijo...

Senhor anónimo. Vou deixar os comentários. Apaguei aqueles onde há insultos como "idiota". Para exprimir um ponto de vista não é preciso dizer de outros que são idiotas. Eu não gosto dos teus pontos de vista mas não chamei nem parvo nem idiota.

Obrigado

Anónimo dijo...

Realmente existem comentários que não lembram a ninguém... Deixem os homosexuais e os heterosexuais em paz. A democracia existe para sabermos viver em pluralidade. De qualquer maneira não posso deixar de salientar que se Espanha existe é porque existe uma cultura espanhola. Se Portugal existe foi porque os portugueses quiseram e poruqe também existe um sentimentos existencial que só nós portugueses conhecemos. Por isso cada um no seu cantinho e deixemo-nos de desvaneios...